SINCAB

Operadoras devem organizar ocupação de 2.129 postes da distribuidora. Comissão formada por Anatel, Aneel e ANP atende a pleito de 2016.

A Comissão de Resolução de Conflitos das agências reguladoras Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) determinou na tarde de hoje, 6, que Claro, Oi, Telefônica e TIM regularizem suas redes instaladas em 2.129 postes da distribuidora de energia AES Eletropaulo.

O novo regulamento enterra com o antigo entendimento da Anatel, de que haveria o must carry também dos sinais digitais de TV. Agora, se uma emissora de TV aberta não conseguir negociar o preço ou tiver sua programação recusada por operadora de TV paga via satéolite (DTH), terá que recorrer à arbitragem da agência reguladora.

Um debate iniciado  há pelo menos cinco anos começou a ser  pacificado hoje, 5, pelo conselho diretor da Anatel. A agência aprovou mudanças no regulamento do SeAC (Serviço de Acesso Condicionado ou TV por assinatura), sem obrigar as operadoras de DTH (TV via satélite) a distribuír a seus assinantes caixas híbridas que também pudessem receber os sinais de todos os canais locais das TVs abertas. Se essas caixas tivessem que ser mesmo compradas, a agência calculava um custo adicional de R$ 465 milhões às operadoras de DTH.

É papel da Justiça Federal, e não da Justiça comum, processar e julgar a prática de crimes de violação de direitos autorais e contra a Lei de Software, relacionados à atividade de fornecimento ilícito de sinal de televisão por assinatura. Assim decidiu a 3ª Seção do Superior Tribunal de Justiça nesta quinta-feira (22/2), por unanimidade, ao resolver um conflito de competência.

À Todos(as) empregados (as) da SKY

A diretoria do SINCAB, tomando conhecimento nesta data, que a SKY no Brasil, decidiu liberar os seus empregados na data de hoje, às 16 horas, passando a orientação de que é "para os que quiserem aderir ao movimento VEM PRA RUA", informa a todos os empregados que esta situação deixa um ambiente de trabalho intranquilo, onde os empregados se sentem indiretamente constrangidos a participar de ato público de caráter político, haja vista que a empresa está "pagando" para os empregados "irem pra rua".

O presidente-executivo da Sky, Jeremy Darroch, disse que acordo permitirá aos clientes acessar ainda mais entretenimento em sua plataforma

Londres – O grupo europeu de televisão por assinatura Sky disse nesta quinta-feira que vai acrescentar o serviço de streaming de vídeo Netflix a um novo pacote de TV, adicionando pela primeira vez séries como “The Crown” à sua oferta de esporte e entretenimento.

Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com